Livraria, Biblioteca

e Museu

Interior da Livraria ZELY DE ALBUQUERQUE B. LIMA.

 

 

A nossa livraria tem o nome de Zely de Albuquerque Barbosa Lima, em homenagem àquela que durante 35 anos, assumiu o cargo de 3º presidente de nossa Casa, devotando a ela e a todos nós, o seu imenso amor pela causa espírita.

 

 

 

Nossa livraria é bem variada contando com mais de 2500 livros, com toda a Codificação e outros livros da Doutrina. Ela está sempre sendo atualizada com os novos lançamentos.

Temos também CDs e DVDs com palestras realizadas em nossa Casa, para serem emprestados.

Armário de exposição de livros a serem vendidos.

A Livraria funciona nos dias e horários das Reuniões Doutrinárias Públicas.

*** ***

"Reflexões" - de Oscar F. Carneiro, psicografado por Zely de A. Barbosa Lima.

"Reflexões"
Este livro é uma coletânea de pensamentos de alto teor doutrinário, do Espírito Oscar F. Carneiro, com psicografia de Zely de A. Barbosa Lima, relacionados desde outubro de 1988 até novembro de 1992.
Decidimos lançá-lo para homenagear a nossa querida irmã Zely, que ao longo de 35 anos (1965/2000), presidiu o CEJB, dedicando seu imenso amor à causa espírita e à Casa de João Batista.
Com a venda destes exemplares, estaremos angariando fundos para a construção do 3º pavimento de nossa Casa, que se destinará à Evangelização Infantil e a futuros cursos ligados à Assistência Social.
Participe desta Campanha, comprando-os e oferecendo-os de presente a seus amigos e familiares!
Contamos com a sua colaboração!
Encontra-se à venda em nossa livraria!

R$ 5,00

Mais informações, na Secretaria do Centro ou pelo telefone 2289-4651.

*** ***

“Àquele que tem paciência, é dada a oportunidade de vencer
os obstáculos do caminho.
Não nos precipitemos por julgamentos temerários; prudência e estado de prece nos preservam de sermos injustos.
É analisando com piedade os maus que chegaremos a ser bons.
Toda a experiência humana deve ser respeitada; mas os “juízes” pululam em todas as classes sociais.
Se não anularmos as pretensões que existem em nosso orgulho, prorrogaremos muito o nosso progresso.
Compreendamos que Deus nos deu todas as possibilidades de vencermos nossas imperfeições.
Não devemos subestimar as experiências dos nossos irmãos, pois todos estamos caminhando para o Pai.
O progresso é a soma das aquisições através dos séculos.”

Oscar F. Carneiro (Zely de A. Barbosa Lima - “Reflexões”)

*** ***

"Reconhece-se o verdadeiro espírita pela sua transformação moral, e pelos esforços que faz para domar as suas más inclinações".

Allan Kardec

*** ***

A Biblioteca Guiomar Guimarães da Silva (2º presidente do CEJB), toda informatizada, conta com mais de 2.500 livros e mais de 1.500 títulos diferentes, os quais podem ser emprestados a quem tem frequência assídua na Casa.

Nossa Biblioteca está em um local com espaço físico bem amplo, oferecendo a todos uma maior visão de todos os livros.
Está também incluído neste espaço um "cantinho para leitura e pesquisa."

Interior da Biblioteca GUIOMAR GUIMARÃES DA SILVA.

A Biblioteca funciona nos dias e horários das Reuniões Doutrinárias Públicas.

Aceitamos doações de livros espíritas, em bom estado de uso, para nossa biblioteca. A entrega deverá ser feita na Secretaria, nos dias e horários das Reuniões Doutrinárias Públicas.

*** ***

"Cada livro edificante é porta libertadora. O livro espírita, entretanto, emancipa a alma nos fundamentos da vida.

O livro científico livra da incultura; o livro espírita livra da crueldade, para que os louros intelectuais não se desregrem na delinqüência.

O livro filosófico livra do preconceito; o livro espírita livra da divagação delirante, a fim de que a elucidação não se converta em palavras inúteis.

O livro piedoso livra do desespero; o livro espírita livra da superstição, para que a fé não se abastarde em fanatismo.

O livro jurídico livra da injustiça; o livro espírita livra da parcialidade, a fim de que o direito não se faça instrumento da opressão.

O livro técnico livra da insipiência; o livro espírita livra da vaidade, para que a especialização não seja manejada em prejuízo dos outros.

O livro de agricultura livra do primitivismo; o livro espírita livra da ambição desvairada, a fim de que o trabalho da gleba não se envileça.

O livro de regras sociais livra da rudeza de trato; o livro espírita livra da responsabilidade que, muitas vezes, transfigura o lar em atormentado reduto de sofrimento.

O livro de consolo livra da aflição; o livro espírita livra do êxtase inerte, para que o reconforto não se acomode em preguiça.

O livro informativo livra do atraso; o livro espírita livra do tempo perdido, a fim de que a hora vazia não nos arraste à queda em dívidas escabrosas.

O livro nobre livra da ignorância, mas o livro espírita livra da ignorância e livra do mal.

Amparemos o livro respeitável, que é luz de hoje, no entanto, auxiliemos e divulguemos, quanto nos seja possível, o livro espírita, que é luz de hoje, amanhã e sempre."


Emmanuel
(Chico Xavier)

*** ***

"A verdadeira Doutrina Espírita está no ensinamento dado pelos Espíritos, e os conhecimentos que esse ensinamento comporta são muito graves para serem adquiridos de outro modo que por um estudo sério e continuado, feito no silêncio e no recolhimento; porque só nessa condição se pode observar um número infinito de fatos e de nuanças que escapam ao observador superficial e permitem assentar uma opinião."

Allan Kardec

 

Estante que pertenceu a Oscar F. Carneiro, com vários livros e objetos antigos da Casa.

Contamos com um pequeno museu, onde estão expostos livros que não são mais editados, fotos de documentos, de trabalhadores antigos e do fundador do Centro, a planta da 1ª sede, e objetos antigos que perteceram à Casa.


 

 

 

 

Funciona também neste espaço o Atendimento Fraterno, que é feito nos dias e horários das Reuniões Doutrinárias Públicas.



 

O Museu Manoel de Carvalho França (fundador e 1º presidente do CEJB) fica aberto às visitações também nos dias e horários das Reuniões Doutrinárias Públicas.

*** ***

"Caminhando de par com o progresso, o Espiritismo jamais será ultrapassado, porque, se novas descobertas lhe demonstrassem estar em erro acerca de um ponto qualquer, ele se modificaria nesse ponto. Se uma verdade nova se revelar, ela a aceitará."

Allan Kardec

 

Aspectos do Museu MANOEL DE CARVALHO FRANÇA.Aspectos do Museu com fotos antigas e novas

 

 

 

 

 

 

  Retratos pintados mediunicamente por Lívio Rocha, do Sr. França (1º presidente) e D. Abigail (freqüentadora antiga da Casa).